Em criação » Marinho

cardume done

 

MARINHO

Concepção e orientação: Margarida Mestre

Ciclo Um artista, Sete Programadores

Espectáculo para publico juvenil (6 a 10 anos), que irá sofrer transformações ao longo do tempo em que vive, dependendo das marés e das correntes…

 

O que é que acontece na realidade e no nosso imaginário quando nos relacionamos com essa imensidão líquida que é o mar, que tanto tem cá fora como lá dentro, que tanto provoca atração como medo, que tanta História nos fez, tanta história nos dá, e tantas nos faz fazer? Como iremos mergulhar nessa matéria infinita e trazê-la para terra em forma de língua, em forma de experiência, em forma de visão….?

Estamos como o mar. Em jeito de constante agitação…

Margarida Mestre é a artista convidada para dar corpo e voz a uma nova criação coproduzida por sete instituições nacionais ao longo de quase dois anos.

O convite à criação, endereçado a um único artista, assenta numa premissa elementar: criar, para todos os públicos destas instituições, uma única obra que será apresentada a nível nacional, ao longo de 18 meses e em diferentes etapas do seu desenvolvimento conceptual, partilhando com o público janelas de observação do processo criativo, longe dos conceitos barrocos de genialidade artística ou de obra iluminada.

Ultrapassando a dimensão imediatista dos projetos fantásticos mas que não circulam nem são explorados na sua profundidade e potência. Questionando os limiares da apresentação da obra de arte, a pegada social da programação competitiva, os conceitos de obra finalizada, de apresentação pública, de criação partilhada e da programação-como-um-processo. É também sobre essa dinâmica que este projeto falará. Abrindo espaço para que 7 programadores (e os seus 7 espaços de apresentação) reflitam conjuntamente – e de modo partilhado com o público – sobre as suas formas, enquadramentos, estratégias e estéticas de programação. O mote para o debate e para a criação é dado por Pedro Prista, orador convidado desta edição do ciclo.